quarta-feira, 30 de julho de 2008

Os sessentinha de Jean Reno


"Eu não faço publicidade nem filme pornô"
Essa foi a frase pronunciada pelo ator francês da origem espanhola Jean Reno quando foi chamado para o seu primeiro papel no cinema, em 1979. Só que quem estava do outro lado era o diretor Costa Gavras!
Nascido em Casablanca, Marrocos, onde seus pais espanhóis tinham se exilado por causa da ditadura franquista, seu nome de batismo é Juan Moreno Herrera Jiménez.
Depois daquelas pontinhas, ele conheceu Luc Besson e virou seu ator fetiche. Com mais de cinqüenta filmes realizados, hoje é provavelmente junto com Depardieu o ator francês mais popular no mundo.
Se bem ele fez há pouco tempo uma publicidade de cigarros pro Japão, ele continua firme nas suas convicções: diz que o ator é uma ferramenta dos diretores, que não quer virar um produto e que o lugar onde os atores vivem é nos olhos do público.
O grande Jean hoje faz sessentinha.

Foto de Jean Reno no filme de 2004 L'empire des loups

5 comentários:

EvAnDrO vEnAnCiO disse...

Parabéns para Jean Reno! Realmente ele é um ator espetacular e chamar a atenção de Luc Besson e Costa Gravas não é para qualquer um.

Gostei muito do conteúdo do seu blog. Vou assinar o seu feed e em breve volto para comentar outros posts.

Abraços,

EvAnDrO vEnAnCiO
http://www.evenancio.com

Christian disse...

Sou fã de Jean Reno desde a primeira vez que assisti Léon. De lá (minha infância) até agora, meus 21 anos tenho apenas a dizer que poucos são tão queridos.

Parabéns pelo blog, feed assinado.
Um Abraço!

Teilor disse...

Muito bom o blog, texto envolvente e forte.

É estranho que sempre que pendo no Jean primeiro filme que me vem a cabeça é aquele horror de refilmagem de Godzzila, mas eu sei que o cara é super talentoso e fez outros filmes que são muito bons.

Anônimo disse...

Amo-te, Jean!
(a ti tb Juan) rs

requeri disse...

juan, vc está no meu ***jabá*** faz um tempinho. aqui tb sempre tem coisa boa. beijo.