quinta-feira, 2 de outubro de 2008

Dylan Thomas opina sobre opinião e poesia


- As opiniões são o ressultado de uma discussão com si próprio, mas como a maioria das pessoas não é capaz de discutir com ninguém e menos ainda consigo próprio, as opiniões são um horror. Há opiniões, claro. Na poesia dramática, por exemplo, mas a grande parte de nós somos poetas líricos. Foi Eliot que demonstrou que é possível falar de qualquer coisa em verso, exceto de si mesmo. (...)
Eu suponho que deveriamos matizar o assunto da opinião. O matiz, a inclinação da mente, molda a poesia.

Mr. Thomas mantinha o cigarro no canto da boca, inclinando a cabeça para afastá-la da fumaça.

- Eu gosto de escrever a palavra "sangue" (N. de trad. no inglês, blood), é um tipo curioso de palavra.

Mr. Thomas e o seu convidado beberam.

- O que ressulta interessante é a maneira em que certas palavras perdem ou o seu significado ou a sua bondade. Por exemplo, a palavra "honra" (N. de trad. no inglês honor), uma palavra digna de herois. Na realidade é uma palavra digna de Nero.
- Por que perdem o seu significado ou a sua bondade as palavras?
- Porque com assiduidade as usam as pessoas que não devem.

Fragmento da entrevista concedida pelo poeta galês Dylan Thomas ao escritor Harvey Breit (conhecido por seus livros de cartas com Ernest Hemingway e Malcolm Lowry), publicada no >The New York Times Book Review em 1952, um ano antes da morte de Thomas, em decorrência de problemas com o álcool.

Versão para o português de Juan Trasmonte

Foto de Dylan Thomas e sua mulher Caitlin, publicada no jornal inglês The Telegraph sem creditos. Provavelmente os direitos pertençam a Jeff Towns

2 comentários:

requeri disse...

eu tb não sabia. o jenne que insentiva essas coisas. ele e o marido osc@ar.
é só vc catar 7 músicas dentre as suas50000593092380198243480102401923 preferidas ... eu segui o jenninho e escolhi 8 ... 7 é pouco ... rsrsrs ... preciso de mais uns 17568 memes pra desovar todas as minhas preferidas ...
escreve uma coisa sobre isso, ou seja, q eu te escolhi pro meme, posta as músicas, e só. assim como eu fiz. ok??? eu enfeitei pq sou perua. vc não precisa. beijo. vou te mandar um e-mail, o mesmo que eu mando prum povo chegado que eu tenho, e que não sabe nada de blog, muito menos de meme, onde eu explico o que eu entendi sobre o tal. beijo.

~ well.ington disse...

Gostei do post! Dá um pulo no meu blog e dá uma olhada nos posts de hoje, têm alguma coisa parecida.
;)