sábado, 6 de janeiro de 2007

Sistema nervoso central



Não serei um pasalix
um estímulo qualquer
que chega do exterior
não cobaia no baião
gaiola em laboratório
bicho no observatório
ninguém será como eu
a todos serei igual
sistema nervoso central
simpático é meu inferno
não serei um pasalix
já sou minha própria droga
e outros químicos também
graffitis éticos
prazeres sintéticos
cafeína pra subir
clonazepam pra descer
notícia pra distrair
caneta pra entender
eu presso da sedução
pílula da felicidade
utopia da piedade
meu predio químico
meu ónibus pra esquecer
doce de consolação
meu simulacro interior
deixa o mundo mais bonito
sistema nervoso central
serei a todos igual.


Juan Trasmonte (Todos os direitos reservados)

Um comentário:

Lu Arrais disse...

Só agora vi seu comentário...
Pasalix, doce Pasalix!