quarta-feira, 11 de março de 2009

Os abraços quebrados de Almodóvar




O novo Almodóvar vem aí. Los abrazos rotos é estrelada pela recente ganhadora do Oscar, Penélope Cruz, que vive um triángulo de louca paixão (isso que os franceses chamam de amour fou) com seu marido magnata (José Luis Gómez) e um cineasta cego (Lluís Homar).
O filme nasceu de uma fotografia que o diretor tirou há anos de um casal abraçado na areia da ilha de Lanzarote e foi ganhando forma nas noites em que Almodóvar padecia migranhas terríveis, tanto que era preciso que ele ficasse quieto no escuro. Assim foi imaginando esses personagens e essa história que faz homenagem ao cinema negro.
O diretor, que ao meu entender é um grande mestre na filmação de um bom pranto, define sua mais nova criação como "um drama seco", onde os personagens já choraram tudo o que tinham pra chorar, mas isso antes do filme começar.
Enquanto esperamos a chegada da novidade a essas praias, fica essa imagem linda do diretor e sua musa.

Foto de Penélope Cruz e Pedro Almodóvar de Sofía Sánchez e Mauro Mongiello

4 comentários:

Tico Esteves disse...

Olá Juan, tudo bem?
Boa! O diretor é fera e a atriz é bela! :D
Vou esperar pra conferir. ;)
Grande abraço!

Ana Lúcia disse...

Gosto muito do Almodóvar e também gosto da linda Penélope e só me resta esperar que o filme não demore. Estarei lá numa das cadeiras da sala escura, aproveitando cada segundo.

A foto é mesmo linda, Juan.
Um beijo.

rebloggando-requeri disse...

o cineasta feminino ... concebeu o que se pode chamar de quíntuplas, quando as cinco mulheres de volver receberama, juntas, a palma de ouro em cannes.
é o meu cineasta. o embaixador da espanha no brasil, meu amigo, rpeidró, me promete, vai trazer almodóvar até mim ... na certa não estarei viva pra contar como foi. beijo.

m disse...

Sempre quis ser "una chica Almodovar"...e já sou...rs rs rs!!!
bjos.