sábado, 8 de agosto de 2009

Sempre o mistério da fé





Quem acompanha esse blog faz algum tempo sabe que o mistério da fé religiosa é um assunto que está ciclicamente presente, mudando o signo das religiões.
Ontem foi o dia de São Caetano, que na Argentina é venerado como padroeiro do trabalho. A consigna de cada ano é paz, pão e trabalho. Tem pessoas que vão pedir e pessoas que vão agradecer os dons concedidos -eles acreditam- pelo santo.
São vários dias prévios de filas de quarteirões e no dia 7 a possibilidade de passar brevemente na frente da imagem do santo ou assistir uma das misas que são celebradas a cada hora.
O jornal Clarín publicou hoje essas duas fotos maravilhosas de Pepe Mateos que sintetizam com perfeita beleza o mistério.
Fotos de devotos na Igreja de São Caetano, de Pepe Mateos

9 comentários:

Bernardo Guimarães disse...

belissimas imagens, saudades de buenos aires...

Janaina Amado disse...

Juan, as fotos estão ma-ra-vi-lho-sas. A de baixo, então, é pra se guardar pra sempre (o que vou tentar fazer).

Maria Muadiê disse...

sempre o mistério...

Luciana P disse...

São Caetano? Padroeiro do Trabalho... não sabia. Deve ser mais ou menos uma coisa parecida com o nosso 12 de outubro em que celebramos o dia da Padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida.
Religião é uma coisa forte, mística, necessária!

Beijos, Juan!

Daniela Figueiredo disse...

Lindas fotos! Parabéns ao fotógrafo que captou a emoção do momento. Tenho os meus santos, mas nunca senti esse fervor de fé mostrado nessas fotos... Beijos.

mara* disse...

repetidos esforços e uma longa paciência.

maria guimarães sampaio disse...

gosto demais de ver as caras dos devotos, as expressões. fotógrafo bom!

Nílson disse...

Belíssimas fotos!!!

cirugia plastica disse...

muy buneas imagenes me ha encantado
saludos